segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Beijar

.
.
Queima o sangue um fogo de desejo,
de desejo a alma é ferida,
dá-me os teus lábios, o teu beijo
é o meu vinho e minha mirra.
Reclina para mim a cabeça
ternamente, faz que eu durma
sereno até que sopre um dia alegre
e se dissipe a névoa nocturna.

Púchkin

.

2 comentários:

Xanele disse...

Beijo
o começo...

bjsss Amore

PÔESIA DO MUNDO disse...

Flor:

Amiga!

Belo Pôema

*****

Queima o sangue um fogo de desejo,
de desejo a alma é ferida,
dá-me os teus lábios, o teu beijo
é o meu vinho e minha mirra.

*****

Obrigado por estes momèntos de leitura

Lhe desejo um otimo Carnaval chèiu de Alegria

Com Carinho um Abraço


Antònìo Manuel

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails