quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Climaticamente


Na minha cabeça pode até existir
um inverno rigoroso, moral e racional.
Mas no meu corpo há um verão
abrasador, de um sol insano, emotivo.
Mas meu perigo é quando
a primavera em mim teima de se encontrar
com o outono.

Carmim Rubra



3 comentários:

Sonhos e Devaneios disse...

Minnha querida voce conseguiu retratar bem o que sinto...em minha cabeça entendo o que e certo e errado mas meu coração...este nao tem jeito teima em gostar de quem nao pode-se gostar.....

maravilhosa expressao de sentimentos.

beijos joao

Reticências disse...

Na verdade, me falta esse inverno e a racionalidade. Até onde sei, sou puro verão, onde as brisas vespertinas invadem para abrasar, amansar o fogo que arde... nada que dure muito tempo.

Grande beijo.

Tatiana disse...

Intensamente belo!
Todas as estações vivem em mim!

Um abraço carinhoso

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails